sábado, 27 de fevereiro de 2016

Lenda dos mil tsurus / História (real) da Sadako Sassaki

Hoje eu irei contar uma história real, com uma lenda no meio que é uma das mais lindas que eu já escutei e tou postando porque tenho certeza que vocês também irão achar linda :) Ela é a Lenda dos Mil Tsurus e a triste e linda história da Sadako Sasaki. Vale a pena ler, e eu ainda "resumi" para a leitura ficar mais confortável :)



A japonesa Sadako Sassaki nasceu durante a 2º Guerra Mundial e conforme a guerra ocorria, a vida da população dificultava. A família de Sadako possuía uma barbaria e quando a sua filha nasceu, não haviam escolhido o nome dela. Um dos clientes da barbearia, sugeriu que colocassem o nome "Sadako", segundo ele, esse nome a faria crescer forte e saudável.
Quando a Sadako nasceu, o seu pai foi convocado para o exercito e assim, cuidar de soldados doentes e feridos em Hiroshima.
Em 6 de agosto de 1946, a primeira bomba atômica do mundo caiu sob Hiroshima. De repente soaram alarmes para que as pessoas fugissem e se protegessem. Sadako e sua mãe, avó e seu irmão Masahiro, estavam tomando café da manhã juntos quando foram surpreendidos com um clarão ofuscante e logo em seguida, uma explosão estrondosa.

As paredes da casa caíram. Sadako e os outros foram jogados para o chão. Masahiro e e avó ficaram feridos, mas milagrosamente, Sadako e sua mãe ilesas. De alguma forma todos escaparam com vida e fugiram em direção ao rio. Ao longo do caminho, a avó de Sadako retornou para pegar algo em casa. Ela nunca mais foi vista.

Nuvem Negra
Os incêndios foram acendendo. Alguém ajudou a família, colocando-os em um bote para salvá-lo dos fogos. Enquanto a família estava no barco, a chuva começou a cair.
A chuva deixou manchas negras sobre a roupa de Sadako. O desespero e a sede eram tão grande, que as pessoas bebiam a água negra da chuva

1942- 1954
Apesar de ser uma sobrevivente da bomba, Sadako era uma criança cheia de energia, saudável que nunca perdeu um dia da escola primária. Ela era educada e cuidava dos seus irmãos com muita ternura. Ela adorava cantar e praticar esportes.

A família de Sasaki reabriu a sua barbearia no centro de Hiroshima e 10 anos após a bomba, a vida voltou a normalidade em Hiroshima e seu povo. No entanto, logo após vencer o torneio de revezamento de seu grupo, houve sinais de que algo estava errado com Sadako. Ela pegou um resfriado e sentiu uma rigidez no pescoço. Quando o frio foi embora, a rigidez ficou. O rosto de Sadako estava todo inchado.

Após passar por vários exames o médico disse: "Sadako tem leucemia, ela tem 1 ano de vida no máximo". Sadako foi transferida para o Hospital da Cruz Vermelha de Hiroshima. Sabendo da noticia, seus amigos discutiram o que poderiam fazer para a ajudar. Eles decidiram se revezar para visitá-la.

Os tsurus trazem esperança a Sadako: 5 meses após Sadako ser hospitalizada, sua companheira de quarto, com 5 anos de idade morreu de leucemia. "Eu me pergunto se eu vou morrer assim", disse ela comovida.

A Lenda dos Mil Tsurus: Cerca de mil tsurus de papel foram entregues aos pacientes do hospital. Foi assim que ela ouviu a lenda, "Se fizer mil tsurus de papel, seu desejo se tornará realidade", Sadako começou a dobrar os mil tsurus e a cada um que ficava pronto, dizia a si mesma o seu desejo: "Eu escreverei paz em suas asas e você voará o mundo inteiro".

Sadako nunca falou sobre a sua dor ou sofrimento. Ela simplesmente deixou suas orações para os origamis. Apesar de seus esforços, a doença progrediu. Ela começou a ter febres e o medo de morrer a impedia de dormir. Mesmo assim, ela continuou dobrando os tsurus com fervor e esperança de sobreviver.

Sadako não resiste: Enfraquecida, Sadako não teve força para dobrar os mil pássaros. Em 25 de outubro de 1955, rodeada por sua família, ela montou seu último tsuru e dormiu pela última vez. Seus colegas de classe dobraram os pássaros que faltavam para que fossem enterrados com ela. Ela tinha somente 12 anos.

Ano de 1956: A morte de Sadako foi um grande choque para os seus amigos. Muitos deles, como Sadako tinham presenciado a comba atômica. Depois da morte de Sadako, seus colegas disseram uns aos outros:

"Vamos fazer algo para Sadako?" .A culpa que eles sentiam por não terem sido capazes de impedir sua morte deixou uma sensação dolorosa em seus corações. Alguém disse: "Podemos construir um túmulo para ela? Se for perto, podemos visitá-la todos os dias."
Outro sugeriu: "E se fizermos um monumento no Parque Memorial da Paz? Não apenas para Sadako, mas para todas as crianças que morreram por causa da bomba atômica?"
"Mas será que conseguiríamos fazer algo assim?"
Os alunos estavam preocupados. "Mas eu realmente quero fazer algo para Sadako". "Eu quero me livrar das bombas atômicas." Estas foram as emoções que moveram o grupo a tomar uma atitude.

Crianças de todo o Japão unidas pela causa: Os amigos de Sadako começaram um movimento para levantar fundos para o monumento. O apelo rendeu frutos que ninguém esperava. Mais de 3 mil escolas de todo o Japão enviaram dinheiro e cartas, dizendo: "Por favor, use isso para ajudar a construir o monumento."

Janeiro de 1957: Ficou oficialmente decidido a construção do Monumento da Paz às Crianças no Parque Memorial da Paz no centro de Hiroshima. A estatua de bronze possui 9 metros, e tem a figura de uma menina segurando um tsuru gigante de papel. A estatua foi concluída no Dia das Crianças em 1958, 2 anos após a morte de Sadako.

A inscrição gravada na pedra em frente ao monumento diz:
Este é o nosso grito
Esta é a nossa oração
Para a construção da paz no mundo

Mais de meio século se passou desde que Sadako perdeu sua vida aos 12 anos de idade. Cartas e tsurus do mundo inteiro continuam a ser enviados para o Monumento das Crianças da Bomba Atômica todos os anos.
Embora não tenha conseguido salvar a sua própria vida com os tsurus de papel, sua história ainda pode salvar milhões de pessoas. Seus tsurus levantaram vôo de outra forma, servindo como simbolo do crescente movimento pela paz na Terra.

Fonte ♥





Espero que tenham gostado :)
Eu estudo relações internacionais e quero trabalhar com diplomacia ou em alguma organização internacional e tenho que admitir que essa história me inspira, e ela também me faz pensar e refletir sobre as questões relacionadas a guerra e paz. Só quem perdeu alguém querido sabe da dor que é (Eu estou de luto, consegui postar hoje porque eu já tinha feito boa parte desse post no rascunho)
É claro que querer a paz mundial é "demais", mas procuro sempre fazer o melhor, porque do jeito que tá ai sim que tá demais né?
Quando eu fizer a minha futura viajem para o Japão eu com certeza irei querer visitar esse monumento e deixar o meu tsuru lá e deixar o meu grito para a construção da paz, eu acho que eu ficaria até emocionada ç__ç

Até logo~~
E você, conhecia a história, o que achou? Comente :)

14 comentários:

  1. Eu adoro essa história. Já tinha lido ela, mas em forma de fanart com personagens do amor doce, mas eu realmente me emocionei! Poder ver que realmente era algo tão relevante me deixa ainda mais emocionada e feliz, é incrível poder ver a sensibilidade no coração das pessoas ♥

    Sekai Bakawaii

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Forma de fanart (。♥‿♥。) ainda tem o link? Vou procurar
      Pois não é ♥ e eu ainda acredito na paz u__u

      Bjs :*

      Excluir
  2. CHOREI ENQUANTO TAVA LENDO SOCORRO ;W; eu já tinha lido a história, mas você escreveu de um jeito que me tocou no fundo da alma E ME MATOU MT OBRIGADA TO SOFRENDO ;A; eu fico muito emocionada com a coragem da Sadako, que nunca desistiu de lutar, e também com o amor dos seus amigos. Adorei o post, podia escrever outros assim <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A primeira vez que eu li essa história também chorei ç__ç
      Nossa :O mal imaginava que eu saberia escrever de um jeito que faz as pessoas chorarem, não sei se acho bom ou ruim kkkk
      Pode deixar que eu escrevo outros assim sim *---* tenho até outra história em mente, fico suuuuper feliz que tenha gostado mesmo *ooo* (。♥‿♥。)

      Bjs :* até logo

      Excluir
  3. YOOOOOO BEATRIZ \O/

    Véi, antes de ler o post eu pensei "Deve ser uma lenda bonetenha e purpurinada", porém cá estou eu nadando em minhas lágrimas! Ç.Ç num se faz isso gente, num se faz isso! T-T

    Enfim, eu achei a história muito querida, mesmo tendo a sua dose de drama, o movimento todo que a garota e os amigos conseguiram fazer de longe foi lindo! Eu pensava que fosse uma história bem mais antiga, porém ver que algo mais recente faz as pessoas refletirem mais ainda. Sem mencionar nesse momento onde infelizmente mais guerras eclodiram! Agora temos a confusão com os Sírios e antes disso tivemos a ucrânia e o engraçado que sempre tem alguém para arrumar a desculpa de bombardear os locais =/

    Enfim, a história é realmente linda e que ela sirva de lição para muitas pessoinhas e dê forças para ti no teu luto!

    Kiss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hinaaa ♥
      Haha, com a foto kawaii dava para pensar isso mesmo e__e trollei a galera xD
      Foi liindo mesmo, isso que é ser amigo *¬* infelizmente guerras ainda ocorrem :/ e aqui eu boto a minha indignação.

      Obrigadda Hina linda <3 até logo

      Excluir
  4. Olá Beatriz!!!!
    Primeiramente, Feliz Aniversário!!!!
    Desejo muita felicidade para essa data especial!!! xD É que eu vi que seu aniversário era hj no facebook rs

    ENtão, acho lindo e triste a história do mil tsurus, cada tsuru que vc cria é um desejo para chegar no seu objetivo. Isso consegue refletir para todos nos... É emocionante.

    Kiss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Miesiiinhaaaa , obrigada pelas felicitações ♥ ^___^

      Com certeza ^__^ isso mostra que de pouco em pouco conseguimos alcançar nossas metas, mesmo que lentamente

      Bjs :*

      Excluir
  5. Oii Bia, tudo bom?
    Já tinha lido sobre a lenda do tsuru, mas fazia algum tempo e é realmente comovomente a história de Sadako e o quanto a guerra fez mal aquelas pessoas em Hiroshima e Nagazaki. Monumento das Crianças da Bomba Atômica é um dos locais que mais quero visitar e com certeza vou deixar alguns tsurus em homenagem as crianças que sofreram o atentado.
    Texto muito lindo e triste. Parabéns :)
    Estante de uma Fangirl

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Danisiiinha ♥
      Fico feliz que você tenha gostado *---*
      Imagino como deve ser o monumento pessoalmente, com tsurus de pessoas de vários países com o mesmo proposito *¬* chega me arrepiei aqui

      Até logo ♥

      Excluir
  6. waaaa eu já conhecia essa história <3
    Ela é super amor <3
    http://diariodelolivlet.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Eu ouvi falar de uma história dessa sim, só que em seu post está bem mais explicativo.
    Achei muito legal e gentil o que eles fizeram por ela e as outras crianças que morreram.
    Guerra é triste :c
    Beijos
    www.blognekokawaii.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii ^___^
      Também achei ç__ç ao menos o Japão não entrou mais em nenhuma guerra

      Bjs ♥

      Excluir

Comentem a vontade ^__^ Eu também respondo (e adoro) os comentários de postagens anteriores. E lembrem-se de quem tiver blog, colocar o link dele no comentário para assim eu o visitar.
Não precisam ser tímidos, apenas mantenha o respeito
Caso desejem, aqui está alguns símbolos para utilizar em seu comentário:
♥ ★ ✿ ♫ ♩ ♬ ☾
(≧∇≦)/ ヽ(;▽;)ノ (*^▽^)/ ▽・ω・▽ (T▽T) ◑▂◐ ◑0◐ ◑︿◐ ◑ω◐ ◑﹏◐ ◑△◐ ◑▽◐ ∩┐(◣_◢)┌∩┐ \m/ (◣_◢) \m/

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...